Sábado, 21 de Nov 2020 24ºC Luanda, Angola

Recentes

Empresa XTAGIARIOUS devolve o sorriso às crianças do Centro de Acolhimento El Betel David Mendes acusa generais de serem anticorpos da luta contra corrupção de João Lourenço Cazenga conta com nova esquadra de Polícia PGR no encalço de gestores públicos em Malanje

Covid-19: Milhares de vacinas falsas podem entrar em países africanos


 

A Interpol refere que os criminosos estão a planear infiltrar-se nas redes de distribuição das vacinas. Poderão também vender falsas vacinas.

AInterpol advertiu esta quarta-feira que as organizações criminosas espalhadas pelo globo estão de olho nas vacinas contra a Covid-19, que vão começar a ser distribuídas em vários países brevemente, de acordo com a Reuters.

A Interpol sublinhou que emitiu um aviso para as autoridades dos 194 países que são membros da agência, alertando que as vacinas vão ser alvos das organizações criminosas, tanto fisicamente como online.

Enquanto os governos se preparam para distribuir as vacinas, as organizações criminosas estão a planear infiltrar-se ou sabotar as cadeias de distribuição. As redes criminosas também vão ter como alvos membros do público através de falsos sites e falsas curas, o que pode representar um risco significativo para a sua saúde, e para as suas vidas”, frisou o secretário-geral da Interpol, Juergen Stock.

Vários países já definiram ou vão definir em breve os seus planos de vacinação para a Covid-19. Na Europa, a vacina vai começar a ser distribuída em diversos países até ao início de janeiro

 Esta quarta-feira, foi anunciado que o regulador britânico aprovou a vacina da Pfizer e da BioNTech para uso generalizado. As primeiras inoculações no Reino Unido deverão acontecer nos próximos dias.

Você pode partilhar este post!

Artigos Relacionados