Sábado, 21 de Nov 2020 24ºC Luanda, Angola

Recentes

Empresa XTAGIARIOUS devolve o sorriso às crianças do Centro de Acolhimento El Betel David Mendes acusa generais de serem anticorpos da luta contra corrupção de João Lourenço Cazenga conta com nova esquadra de Polícia PGR no encalço de gestores públicos em Malanje

Mulher de 'El Chapo' detida. Acusada de ajudá-lo a gerir império de droga


As autoridades norte-americanas investigavam Emma Coronel Aispuro há pelo menos dois anos. Também foi acusada de conspirar para ajudar 'El Chapo' a fugir da prisão.

Amulher de Joaquín Guzmán Loera, mais conhecido como 'El Chapo', foi detida esta segunda-feira nos Estados Unidos, avança o The New York Times. Emma Coronel Aispuro foi acusada pelas autoridades norte-americanas de ajudar o marido a gerir o seu império de droga, avaliado em milhares de milhões de dólares, e de conspirar para o ajudar a fugir da prisão após a sua captura em 2014.

Emma Coronel Aispuro, que tem nacionalidade mexicana e norte-americana, foi detida no aeroporto internacional Dulles, perto de Washington.

Já estava a ser investigada pelas autoridades federais há pelo menos dois anos por ser cúmplice de 'El Chapo'.

Os documentos apresentados no tribunal referem que Emma Coronel Aispuro transmitia mensagens a 'El Chapo' que o ajudaram a fazer carregamentos de droga entre 2012 e 2014 e a evitar ser capturado pelas autoridades mexicanas e norte-americanas.

A mulher de 'El Chapo' fará o seu primeiro interrogatório judicial por videoconferência esta terça-feira no tribunal do District of Columbia.

Em 2019, um tribunal de Brooklyn, nos Estados Unidos, condenou Joaquín Guzmán Loera a uma pena de prisão perpétua por transportar pelo menos 1.200 toneladas de cocaína para os Estados Unidos.

O cofundador do poderoso cartel de Sinaloa está a cumprir a sentença numa prisão de alta segurança no Colorado.

C/NM

 

Você pode partilhar este post!

Artigos Relacionados