Sábado, 21 de Nov 2020 24ºC Luanda, Angola

Recentes

Empresa XTAGIARIOUS devolve o sorriso às crianças do Centro de Acolhimento El Betel David Mendes acusa generais de serem anticorpos da luta contra corrupção de João Lourenço Cazenga conta com nova esquadra de Polícia PGR no encalço de gestores públicos em Malanje

Perfil de Bento Kangamba afugenta militantes do MPLA em Benguela


Levou algum tempo descobrir a razão que esteve na base de tanta inquietude dos dirigentes do MPLA, na pessoa do seu Primeiro Secretário, Rui Falcão, em função da indicação do novo Secretário Provincial da UNITA, Adriano Sapiñala.

Mas, aos poucos, constatou—se que o famigerado cabo eleitoral do partido no poder, Bento Kangamba, é apontado como sendo um político com Curriculum manchado de acções perversas.

Por: Lito Dias.

Bento Kangamba, a seu estilo, foi a Benguela apresentar—se como cabo eleitoral daquela região.  Até aí está tudo bem.  Que a par do Primeiro Secretário do partido, Rui Falcão, trabalhariam para uma estrondosa Vitória do seu partido. Para ele, o novo Secretário da UNITA ao nível de Benguela, Adriano Sapinãla, não faria nada para amedrontar o MPLA.

É política e esses vaticínios ensaiados são admissíveis. Até porque para além de ser político, ele diz ser um empresário de sucesso. Só que, a sociedade Benguelense, bem atenta que é, puxou do baú, o histórico de um general na reforma e mal adaptado na política, que é desastroso.

Para além de afugentar militantes desprestigiou o partido. Sabe—se que o "cabo eleitoral" do MPLA não deu boas cartadas, até agora, que lhe tenham catapultado exitosamente para o grau de cabo eleitoral de uma província tão moldada ao bem deste país.

 BK é conhecido em Benguela e não só, como um político que tenta sempre buscar feitos inéditos, usando caminhos ínvios.

 No tempo do seu tio, o ex—presidente da República, José Eduardo dos Santos, era conhecido na urbe luandense como empresário da juventude, sobretudo pela sua sagacidade em aliciar com dinheiro àqueles jovens que se opunham ao regime do seu partido.

O mesmo, o fazia para converter alguns políticos na oposição. Isso, talvez, lhe tenha valido a assunpção de alguns cargos de relevo na hierarquia do MPLA ao nível de Luanda.

Em Benguela, muitos jovens e activista, ouvidos pelo Na Mira do Crime, consideram que BK não tem perfil para ser o que pretende que seja.

Um homem com registo de prisões por desvios de fundos não pode ser bom exemplo para os cidadãos e para a juventude, em particular.

De salientar que Kangamba esteve preso, na era de José Eduardo dos Santos, tendo este facto manchado o seu cadastro ao ponto de lhe ter sido negada a tomada de posse como deputado à Assembleia Nacional.

Na era, de João Lourenço, Bento Kangamba, o pretenso empresário de sucesso, voltou a ser detido, desta vez, com o olhar atendo dos internautas que foram partilhando os grandes momentos dessa detenção, em pleno aeroporto de Ondjiva.

De sanção em sanção, o seu próprio Club de futebol foi castigado pela FIFA, por reiteradas irregularidades na sua gestão.

Hoje, por exemplo, já não temos o Kabuscorp no Girabola. Os nossos interlocutores dizem ainda que Kangamba decorou um discurso do tempo de JES que já não se ajusta aos tempos de hoje.

Foi também com ele, acrescentam, que as pessoas eram obrigadas a aceitar que o país estava bom e tinha rumo, quando os cofres do Estado estavam a ser delapidados; quando a corrupção estava institucionalizada.

"Como é que vamos confiar num dirigente que, durante anos, dizia à juventude que o combate à má governação, à corrupção, ao nepotismo e à pobreza estava a ser incitado pelo Ocidente, mormente pela França, Inglaterra, Bélgica, Alemanha, Estados Unidos e alguns sectores de Portugal?", questionam.

O receio desses jovens é de que BK venha estragar aquilo que montou como estratégia.

Rui Falcão em condições de aguentar os rounds?

Alguns sectores da sociedade benguelense, dizem que Rui Falcão, apesar dos pesares, estaria em melhores condições de aguentar a avalanche da oposição que se espera muito categórica, naquela que é terceira praça eleitoral de Angola, depois de Luanda e Huila.

Sugerem que BK seja adaptado melhor no bairro Palanca, em Luanda, pois nem mesmo na sua terra Natal é bem visto, o que revela tibieza na abordagem de questões de interesse público.

Você pode partilhar este post!

Artigos Relacionados